sexta-feira

A cor dos meus dias

A cor dos meus dias, tem uma pincelada de cinzento, que eu teimo em espantar com a força do pensamento. Tem um azul de sonho e um preto medonho. Mas amarelo, lindo brilhante, como raios de sol que me aquecem, num instante.
A cor dos meus dias é rubra como uma rosa. Porque explode no meu coração, uma bomba de afeição. E verde, tão fresco como a relva, tão imensamente tenra como uma folha de trevo, que a sorte traz. Por isso também existe lilás.
A cor dos meus dias tem o castanho da terra, que me faz pensar por vezes na guerra por um território, em atrocidades. Como são capazes?! Mas tem também laranja, saborosa e sumarenta, com bocadinhos de magenta.
Tem branco, de pureza, porque nos maravilha e nos faz pensar em beleza. Tem dourado, quando te vejo, tão perto que te dou um beijo. Prateado, quando perco a cabeça, pelo teu corpo molhado.
A cor dos meus dias tem também o sabor das noites. Tem abraços e aspirações. Sonhos e contrariedades. A cor dos meus dias tem verdades.
E tem temperatura, quando a idéia me faz imatura, medrosa, egoísta ou um pouco orgulhosa. Aí nem o perfume da rubra rosa me satisfaz. Perco-me numa mistura de cores que não me salva, e tento acalmar-me num chá de malva.
A cor dos meus dias, pede-me mais. E por vezes eu não consigo ultrapassar os sinais, porque o vermelho me tolhe. Foi assim que me ensinaram. Mas de uma coisa se esqueceram, é que eu posso contornar, tudo o que de negativo teima em me parar. E então tudo volta a ser colorido, divertido, assombroso...delicioso!
Apareces tu. Espectacularmente nu, perfumado. Com esse rosto maravilhoso e os olhos cinzentos, que não espanto, nem com mil ventos.
Apareço eu, desenhada no breu. E depois?
Dá-se uma explosão de cores. Um fogo de artíficio magnífico, onde os ocres, vermelhos, azuis, verdes, lilazes e roxos, nos deixam exaustos de tanto amor.
É isto a que chamo cor!

Por Sindarin
http://cristaisdegelo.blogs.sapo.pt/10772.html


Não resisti a este texto, estou mesmo tocada por ele.Tomei a liberdade com autorização do autor de o copiar para o meu blog.

4 comentários:

Beki GirL disse...

Fiquei encantando com o texto.
Quem escreveu, tem o dom com as palavras!
Gostei muito.
Seu blog é lindo.

Beijos.
Quando der e se quizer, visite-me.

Cry me a River disse...

Olá Beki GirL,
Obrigada pelo comentário,
és muito bem vinda.
Também já dei uma olhadela no teu blog.
Volto lá mais logo para te deixar um comentário.

izzie disse...

Também eu fiquei tocada com este texto... talvez porque partilhe a forma como descreves algumas das "tuas" cores.
Obrigada pela partilha e um grande beijinho,

Cry me a River disse...

Olá, izzi
No meu dia-a-dia traduzo todos acontecimentos em cores e brilhos.
Quando li este texto também fiquei encantada.
Não resisti em pedir ao autor autorização para o publicar.
Obrigada, xi coração com brilhos para ti.