segunda-feira

Campo de estrelas


Soma mais ou menos três anos desde que li,
"O Diário de Um Mago"
onde Paulo Coelho, narra sua viagem A Caminho De Santiago.
A tão esperada viagem aconteceu e acabei por perceber que a próxima visita seria como peregrina.
Lá vi uma terra diferente, de uma energia fantástica com espírito de aventura e partilha.
A magia da pedra talhada, os edificios e as casas carregados de historia. Toda a parte histórica da cidade é esplêndida com um carisma poético e artístico.
Adorei percorrer as ruelas ao som de música dos artistas de rua.
Ruelas giríssimas preenchidas com um encanto especial com muitas tasquinhas de muito bom aspecto com petiscos deliciosos e com o maravilhoso vinho Alvarinho(“Albarinho” ), e a maior parte das tasquinhas é servido vinho á “copa”.
Descobri o motivo da minha curiosidade nesta visita já há muito esperada a Santiago.
É uma terra magica.
A Galícia é a terra das bruxas, ou melhor das meigas, como lá são chamadas.
E são boas, ou melhor agem para o bem, para mim pelo que senti foram boas.
Penso que o nome “Meigas” não passa de uma feliz coincidência com o nosso adjectivo.
Vi muitos peregrinos, e encontrei uma semelhança em todos eles,
para mim o peregrino é sem duvida, um sonhador.

4 comentários:

izzie disse...

Pareces ter vivido momentos fantásticos, mágicos.
Eu já tive planos para visitar Santiago... que entretanto, infelizmente, se esfumaram...
Mas pelo menos estiveste geograficamente mais perto de mim, minha querida.

Um beijo grande,

Cry me a River disse...

Olá querida izzie!
Foi sem duvida maravilhoso e mágico.
Foi difícil vir embora.
Um dia quando tiveres possibilidades de ir visitar Santiago vais sentir também muitas emoções.
Beijinho querida.

O Profeta disse...

Não há longe, teu mundo a ilha
Tens andar gingão mesmo à maneira
O verde é manto que te afaga os pés
O mar é o teu azul por cabeceira

Passos ao encontro
Alma cheia de cor e ilusão
Braços abertos à aventura
O mundo na palma da mão


Bom fim de semana


Mágico beijo

Cry me a River disse...

Profeta,
Por vezes estamos tão centrados na sobrevivência do dia-a-dia que até nos esquecemos do nosso eu criança.
Bom fim de semana...Mágicos para ti tb.